Assistindo o Globo Repórter do dia 10/11/07 sobre economia, bem estar, custos, gastos, etc, logo me lembrei do livro O Valor do Amanhã de Eduardo Giannetti, economista e filósofo.
O que mais me chamou atenção na reportagem foi a historia de uma manicura que com economia, trabalho e esforço conseguiu construir um triplex, comprar um carro e expandir o negocio.
Eduardo Giannetti fala sobre o jogo da escolha: comprar hoje sem pensar no amanhã ou não comprar pensando no amanhã, ser paciente ou impaciente, usufruir ou guardar? O que acham? È possível escolher de imediato?
O livro O Valor do Amanhã não indicará a resposta da questão, no entanto trará subsídios positivos e negativos fazendo com que o leitor possa ao final da leitura escolher o caminho a ser tomado.
Particularmente acredito que o caminho mais sensato seria o equilíbrio entre gastar agora e pensar no amanhã. Não adianta gastar tudo o que se tem se amanhã eu não vou ter nada assim como, não adianta guardar tudo o que se tem se amanhã não vou poder usufruir, nem cigarra, nem formiga, nem lebre e nem tartaruga.
Tenho alguns colegas que leram o livro e acharam um pouco cansativo e repetitivo, mas para aqueles que se interessam pelo assunto e gostam de ler sobre economia vão se deparar com uma mistura de economia e filosofia. Aparentemente o que se imagina é um livro chato e cheio de números, mas as idéias do autor dão um passeio pela biologia, fisiologia, filosofia e porque não antropologia sempre contextualizando a economia e a sistemática dos juros.
Em fim, aconselho a leitura e gostaria que vocês compartilhassem os seus pontos de vista.

1 comentários

  1. web codigos // 5 de dezembro de 2007 14:26

    Pra você dizer que ningeum comenta eu vou iniciar isso aqui bjus o blog esta otimo e vai melhorar cada vez mais...

    Bruno Goyanna